sábado, 18 de abril de 2015

Futebol


DESPORTIVO RASGA AUTOESTRADA
__________________________________________________________

Com o precioso triunfo sobre a forte formação do Benfica B, o Desportivo de Tondela, com quatro pontos de vantagem sobre o Chaves e seis à melhor em relação aos candidatos União da Madeira e Feirense, rasgou uma autoestrada em direção ao alvo a que se propôs, a subida ao escalão maior do futebol nacional.
 
Quando faltam “apenas” sete jornadas para o final da maratona, os tondelenses conquistaram uma invejável posição para fazer frente ao que resta do campeonato, dependendo apenas de si para atingirem o objetivo, culminando o que poderá considerar-se uma carreira vertiginosa desde que, num feito digno dos maiores encómios, ascenderam às competições profissionais.
Até final do campeonato, ao Desportivo de Tondela, apesar da sua situação privilegiada, ainda se lhe deparam escolhos a transpor com quatro deslocações (Farense, Beira-Mar, Olhanense e Freamunde), e a receber, no Estádio João Cardoso, o Portimonense, o Aves e o Desportivo de Chaves.
A receção aos flavienses, comandados pelo técnico despedido pelos beirões, Carlos Pinto, jogo marcado para 17 de maio, pode mesmo assumir foros de grande relevância, com a disputa do título nacional da 2.ª Liga.
 
Aníbal José de Matos (jornalista)
                                                                                 ***
In O BEIRÃO ONLINE (Tondela)

Sem comentários: