quarta-feira, 31 de janeiro de 2007

Chet Stachitas




Ginásio, 77 - Barreirense, 71








Ginásio vence adversário directo

Em jogo terminado há momentos, no Pavilhão Jorge Galamba Marques, na Figueira da Foz, o Ginásio Clube Figueirense venceu o Barreirense por 77-71, após prolongamento.
No termo do tempo regulamentar, registava-se uma igualdade a 65 pontos.
Jess Smith foi o melhor marcador dos figueirenses (25 pontos), mas a figura foi Chet Stachitas que, com a conversão dum lance-livre nos últimos segundos do tempo regulamentar, levou o encontro para prolongamento.
Por períodos: 1.º, 18-16; 2.º, 16-13; 3.º, 13-18; 4.º, 18-18; prol. 12-6.
AJM

Ele há cada um...

Fonte da vida...

Recebida por e-mail

Brincar com coisas sérias

Mas o que é isto?!!!

“O Ecoponto que foi mudado da Praça General Freire de Andrade (mais conhecida por Praça Velha) para a Rua da Alfândega, foi instalado na Rua 5 de Outubro.
Esta foi a segunda e última vez que os contentores de lixo selectivo mudaram de local no espaço de dois meses. Lembre-se que foi por indicação do Instituto Português do Património Arquitectónico que a autarquia retirou o equipamento da referida Praça. Porém, ao tê-lo encostado a um imóvel classificado, o edifício da alfândega, os serviços da Câmara tiveram de voltar a mudá-lo de sítio. Agora, o ecoponto encontra-se num parque de estacionamento, em frente ao edifício da alfêndega.”
---
In “As Beiras
---
Sinceramente: lê-se e não se acredita. Afinal quem são os responsáveis por este tipo de actuações? Ignorância, inconsciência? Ou um pouco de tudo? Ou andamos todos a brincar com coisas sérias?

Futebol

Delfim já é jogador da Naval

Foram ultrapassados os condicionalismos burocráticos com a chegada do certificado de vinculação de Fábio Lima (dispensado pelo emblema figueirense) ao Gama, do Brasil e hoje, último dia de inscrições, a documentação vai dar entrada na Liga.
Com a saída do brasileiro abriu-se a vaga que permite a entrada do antigo jogador do Sporting, e que assinou um contrato opor quatro anos com o Young Boys, da Suiça mas que, segundo o atleta “por incumprimento contratual”, foi rescindido.
“Identifico-me com a filosofia do treinador Mariano Barreto e tenho uma responsabilidade acrescida atendendo ao meu passado”.
Delfim, de 29 anos (completa 30 no próximo dia 5), já ontem participou nas duas sessões de treino, tendo o apronto matutino, no Estádio Municipal José Bento Pessoa, contado a presença de centenas de alunos das várias escolas secundárias da Figueira da Foz.

As escolas foram, esta manhã, assistir ao treino e confraternizar com os jogadores

Conferência de imprensa para os mais pequenos. Na foto, os três capitães da equipa: Fajardo, Fernando e Taborda

----

AJM (texto e fotos)


Efemérides

31 de Janeiro de 1907
--
É fundado o "Grupo da Juventude Republicana Dr. Bernardino Machado", por iniciativa do tipógrafo Aníbal Cruz, José da Silva e Sousa, António Maria Pascoal e Gonçalo Lobo, sendo a agremiação que mais propaganda republicana fez no concelho da Figueira da Foz.

O pensamento do dia

Um vencedor compromete-se; um falhado promete.
Prof. Manuel Tjingaete

terça-feira, 30 de janeiro de 2007

A saúde está doente...


Assunto: MEDICOS EM PORTUGAL!.... Divulguem a palhaçada deste "nosso" serviço nacional de saúde.

"No dia 03/10/2006 num daqueles programas da manhã da SIC ou TVI esteve como convidado um senhor, humilde, a contar uma história que ultrapassa a compreensão: Faz três anos ficou COMPLETAMENTE CEGO fazendo uns trabalhos de soldadura. Fartou-se de ir a os médicos do serviço nacional de saúde, e mais médicos, horas e horas de espera para as consultas, etc. Os médicos tinham dito que o caso não tinha cura, e que só poderia ser observado para obter ALGUMA MELHORIA em Cuba ou Espanha. Resumindo: ele é pobre, e o nosso serviço nacional de saúde não se preocupou em canalizar o homem para ser visto no estrangeiro (é um direito consagrado). Ele queria suicidar-se, pois não queria mais viver assim. Por coisas da vida, seu filho é casado com uma UCRANIANA, (um país pobre??? !) e ela através de familiares na UCRANIA tentou levar o sogro por CONTA DELES PROPRIOS para ver se poderia haver esperança.
CONCLUSÃO:Ele chegou à UCRANIA de manhã e foi levado de IMEDIATO para o serviço médico para dar entrada. NESSE MESMO DIA. Às duas da tarde, fez uma cirurgia com LASER. ACONTECEU UM MILAGRE!!! Quando ele acabou a sessão laser, JA ESTAVA A VER O MÉDICO.MILAGRE?????? NÃO!!! A ISTO CHAMA-SE MEDICINA E TECNOLOGIA!!! EU ACRESCENTARIA QUE ALÉM DE SE EXERCER MEDICINA , HÁ RESPEITO PELO "SER HUMANO". AS PESSOAS SÃO RESPEITADAS COMO TAL. EM PORTUGAL O DESGRAÇADO NUNCA MAIS RECUPERARIA A VISÃO! TRES ANOS CEGO E RECUPEROU A VISTA EM MINUTOS!!!!! O homem chorava ao contar isto (ele chegou de lá há cerca de um mês)
MAIS... NÃO PAGARAM NADA........ RIGOROSAMENTE NADA. SÓ pagou as gotas que tem que deitar nos olhos! O homem ainda foi falar ao Ministério da Saúde (Português), mais foi deitar água num cesto...
Que vergonha este nosso s.n.s. (serviço nacional de saúde) !!! que deveria ser escrito com maiúsculas ( S.N.S.), mas não merece sê-lo.
Divulguem. É PRECISO QUE OS NOSSOS GOVERNANTES SE SINTAM ENVERGONHADOS.
TALVEZ ASSIM TOMEM MEDIDAS, PARA QUE TODOS TENHAMOS DIREITO A SER TRATADOS DIGNAMENTE NAS HORAS EM QUE MAIS INFELIZES NOS SENTIMOS - QUANDO NOS FALTA A SAÚDE.
---
Recebido por e-mail

Foto

Gaivotas em terra...


Foto de AJM

A...s frase...s

A propósito da falta de público no futebol:
"Hermínio Loureiro faz bem em levar gente conhecida aos estádios, mas deve ter em conta que isso são flores. E flores é o que não falta nos cemitérios".
Alexandre Pais, Director de Record

Efemérides

30 de Janeiro de 1930

Reúnem-se na sede do Orfeão Figueirense vários músicos que, com o maestro António Fernandes, estudam a possibilidade de organizar uma Banda Municipal.

Instantâneos

Figueira da Foz em imagens

Uma casa típica na parte antiga da cidade, mais concretamente no Bairro do Vale

Foto de AJM


O pensamento do dia

Poucas coisas são mais eficazes para nos concentrarmos do que a necessidade de explicar o que queremos dizer. Isso confronta-nos com o que estamos a falar, com o que estamos realmente a propor. Põe-nos à distância das frases feitas que não só substituem o pensamento como o obstruem.
Edwin Newman

segunda-feira, 29 de janeiro de 2007

Efemérides

29 de Janeiro de 1823
São decretadas exéquias solenes a Manuel Fernandes Tomaz e votadas pensões aos seus familiares.

Naval continua a reforçar-se

Delfim, antigo jogador do Sporting, na Naval

Delfim, acompanhado do empresário, à chegada ao Estádio Bento Pessoa
Tiero (ex-Vitória de Guimarães), esta manhã, no Bento Pessoa

Naval

Delfim, médio de 29 anos (completa 30 no próximo dia 5 de Fevereiro), está muito próximo da Naval, tendo comparecido esta manhã, nas instalações do clube no Estádio Municipal José Bento Pessoa, acompanhado do seu empresário, Jorge Manuel Gomes.
A inscrição no emblema figueirense está apenas dependente da chegada do certificado de desvinculação de Fábio Lima, transferido para o Gama (Brasil), (para que não seja ultrapassado o limite de jogadores), estando formulado um acordo de princípio, segundo aquele empresário, para que o antigo jogador do Sporting (passou pelo Boavista, Marseille, representando, ultimamente, o Young Boys, da Suiça) assine contrato com os navalistas válido até ao fim da época.
Também se encontra, à experiência, no emblema figueirense, o internacional ganês, William Tiero, médio, de 26 anos, que na época anterior representou o Vitória de Guimarães.

---

ANÍBAL JOSÉ DE MATOS (texto e fotos)





Balada da neve

Na Figueira, há um ano foi assim...







Completa-se precisamente hoje (29 de Janeiro) um ano sobre um acontecimento raro por estas paragens. A Figueira da Foz e todo o seu concelho, acordou sob um manto de neve que despertou a curiosidade de milhares de pessoas que acorreram aos mais diversos lugares para apreciar o fenómeno.
Se na cidade o cenário foi espectacular, na Serra da Boa Viagem foi simplesmente deslumbrante.
Estávamos a 29 de Janeiro de 2006.
---
AJM (texto e fotos)

O pensamento do dia

O modo como alguém conduz o seu destino é mais importante do que o próprio destino.
---
Wilhelm von Humboldt

domingo, 28 de janeiro de 2007

Basquetebol


Benfica, 78 - Ginásio, 69

Nova derrota dos figueirenses, que foram relegados para os últimos lugares da tabela classificativa, de parceria com Belenenses e Barreirense, todas apenas com 5 vitórias e 12 derrotas.

A 1'30'' do final, o Ginásio perdia somente por três pontos (68-71), e ao intervalo comandava o marcador por 37-33.

Por períodos: 1.º, 15-15, 2.º, 18-22, 3.º, 22-14 e 4.º, 23-18.

O jogo disputou-se esta tarde no Pavilhão Açoreana Seguros, em Lisboa.

AJM

Futebol




Naval empata na Amadora

A contar para a 16.ª jornada (1.ª da segunda volta) do campeonato da principal Liga do futebol português, a Naval empatou com o Estrela da Amadora, sem golos.

Uma semana depois dos figueirenses terem triunfado no mesmo recinto (Reboleira), em jogo a contar para a 5.ª eliminatória da Taça de Portugal, registou-se, esta tarde, uma igualdade, resultado de que, naturalmente, beneficiaram os navalistas.

Segundo "Mais Futebol", tratou-se dum jogo em que "as duas equipas proporcionaram um pobre espectáculo, muito disputado a meio campo e com poucas ocasiões de golo".

A salientar o facto da Naval, com Mariano Barreto ao comando, ainda não ter sofrido golos nos quatro jogos disputados, a lesão do central Paulão (substituído aos 15 minutos por Gaúcho) e o 5.º cartão amarelo de Orestes, que o impede de defrontar a Académica, no próximo domingo.

---

AJM

Instantâneos

Figueira da Foz em imagens


Um dos bairros mais característicos da Figueira, na parte velha da cidade. Um recanto pitoresco

Foto de AJM (pode ser ampliada)


Parece mentira mas é verdade

Epitáfios em cemitério chileno!

Fusíveis não era com ele...

Concerteza, não deu porque não pôde...


Que linda despedida... Era só amor!

O pensamento do dia

Porque hoje é domingo


"A graça não dá um retoque sobre os nossos pecados e falhas; muda-nos profundamente a partir de dentro".


Paul C. Burke (Tennessee. EUA)

sábado, 27 de janeiro de 2007

Para descontrair...

Uma janela para o Tejo...


Conto, aliás, uma história que ouvi recentemente.
Um cidadão português, que sempre desejou ter uma casa com vista para o Tejo, descobriu finalmente umas águas-furtadas algures numa das colinas de Lisboa que cumpria essacondição. No entanto, uma das assoalhadas não tinha janela. Falou então com um arquitecto amigo para que ele fizesse o projecto e o entregasse à câmara de Lisboa, para obter a respectiva autorização para a obra. O amigo dissuadiu-o logo: que demoraria bastantes meses ou mesmo anos a obter uma resposta e que, no final, ela seria negativa. No entanto,acrescentou, ele resolveria o problema. Assim, numa sexta-feira ao fim da tarde, uma equipa de pedreiros entrou na referida casa, abriu uma janela, colocou os vidros e pintou a fachada. O arquitecto tirou então fotos do exterior, onde se via a nova janela e endereçou um pedido à CML, solicitando que fosse permitido ao proprietário fechar a dita cuja janela.
Passados alguns meses, a resposta chegou e era avassaladora: invocando um extenso número de artigos dos mais diversos códigos, os serviços da câmara davam um rotundo não à pretensão do proprietário de fechar a dita cujajanela.
E assim, o dono da casa não só ganhou uma janela nova, como ficou com toda a argumentação jurídica para rebater alguém que, algum dia, se atreva a vir dizer-lhe que tem de fechar a janela!
---
Nicolau Santos, in "Expresso online"

Humor... negro

Cuidado, Senhor!
Num cemitério no Chile

Instantâneos

Figueira da Foz em imagens

É o "Castelo" Silva Guimarães. É uma foto actual duma Figueira antiga. À primeira vista parece um sumptuoso edifício, mas a verdade é que se encontra em ruínas há muito tempo e ninguem lhe põe mão, em nome da valorização e conservação do património figueirense. Faz parte do pecúlio cultural do chamado Bairro Novo, na Figueira da Foz, em plena Esplanada que tem seu nome.
---
AJM (texto e foto)

Para descontrair...

O prato do Chefe
Embrenhado na selva, numa zona que era domínio de canibais, um homem foi dar com um restaurante. À porta, um grande cartaz anunciava o preço de cada prato. Havia missionário frito a três patacas, caçador cozido a quatro patacas, guia de safári à milanesa a cinco patacas e ensopado de político a 25 patacas.
Um tanto intrigado, o homem resolveu entrar e perguntar por que é que o prato de político era tão caro, em relação aos outros.
"Já imaginou o trabalhão que dá limpar um bicho desses?!" refutou o chefe.
---
Lewis Grizzard

O pensamento do dia

A curiosidade, instinto de complexidade infinita, leva por um lado a escutar às portas e por outro a descobrir a América. Mas estes dois impulsos, tão diferentes em dignidade e resultados, brotam ambos de um fundo intrinsecamente precioso, a actividade do espírito.
---
Eça de Queirós

sexta-feira, 26 de janeiro de 2007

Para a história da Figueira - LXXV

A mais antiga bomba dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz tem uma longa história para contar.
Para o seu vasto historial fica, por exemplo, a primeira bomba utilizada pelos BVFF, que já existia aquando da sua fundação, e cuja foto foi publicada no número único de "O Bombeiro Figueirense", em 19 de Dezembro de 1884, quando a Associação comemorava o seu segundo aniversário.
Trata-se da bomba "Jauck", cuja imagem hoje mesmo captei (ao vivo) no quartel dos Bombeiros.
Também para a história fica a localização da primeira sede dos Bombeiros, com as reuniões a terem lugar na sede da Sociedade União e Recreio, na Rua de S. Sebastião, hoje designada por Rua Silva e Sousa.
Mas a casa que a corporação utilizou, no início da sua existência, foi a da esquina da Rua Dez de Agosto para os Ladeirões.
Em Setembro de 1887, a Associação transferiu-se para a antiga Rua do Príncipe (hoje Rua da República).
Seguiram-se as Ruas Dez de Agosto e da Restauração. Depois foi a Rua da Lomba (hoje José da Silva Fonseca). Instalou-se, posteriormente, durante largos anos, na Rua da Bica (hoje Rua dos Bombeiros Voluntários). Finalmente, a sede-quartel dos Bomberos Voluntários é na confluência das Ruas de Angola, Heróis do Ultramar e de Angola, nas antigas instalações do Grémio do Bacalhau.
---
AJM (texto e foto)

O pensamento do dia

Paciência de mãe é como pasta de dentes. Por mais que se use sobra sempre um bocadinho.


Jô Soares

quinta-feira, 25 de janeiro de 2007

Futebol

Mais um à experiência...

KIM BYONG NA NAVAL?

A novidade no treino vespertino desta tarde, no Rosa Náutica, na Praia de Quiaios, foi a presença do médio sul coreano Kim Byong, de 21 anos, que vai estar, durante alguns dias, à experiência.
O atleta vinha acompanhado do seu agente, Acácio Correia.
---
Texto de AJM - Foto cedida por RN

Instantâneos

Figueira da Foz em imagens


O mar e a Serra da Boa Viagem, na Figueira da Foz
--
Foto de AJM

A frase


"Aos 44 anos, Mourinho é, a larga distância, o melhor treinador português de sempre e um dos mais extraordinários de todos os tempos a nível mundial."
---
In Record (Rui Dias)
Digam lá: Sem tirar mérito a este português, não haverá um certo exagero, e desrespeito por outras anteriores figuras do futebol mundial, incluindo outros portugueses que se notabilizaram ao longo dos tempos?
---
Ou a memória é curta?...
---
AJM

O pensamento do dia

Alguns livros são para ser saboreados, outros para ser engolidos, e uns poucos para ser mastigados e digeridos.
Francis Bacon

quarta-feira, 24 de janeiro de 2007

Lendo a imprensa

Extracção de areia na Figueira põe em risco praia do Pedrógão


O presidente da Junta de Freguesia do Coimbrão, no concelho de Leiria, defendeu ontem o fim da extracção de areia no porto da Figueira da Foz, que responsabilizou pela erosão da linha de costa na praia do Pedrógão. Paulo Pedro disse à agência Lusa que "o fim da extracção dos inertes e a construção de um by-pass que permita o seu transporte para sul" seriam as soluções a adoptar, para evitar o problema da erosão na praia do Pedrógão atribuído à extracção de inertes na Figueira. "Se não fosse um promontório natural que existe ao sul da praia, já teria provocado, provavelmente, o desaparecimento da primeira linha de habitações" junto à marginal, alertou o presidente da Junta de Freguesia do Coimbrão. O autarca reconhece, porém, a necessidade de retirada dos inertes do porto, para evitar o seu assoreamento. Nos últimos dias, as marés têm escavado a costa no Pedrógão, tendo já provocado prejuízos em passadiços e escadarias de madeira colocados no areal. Para Paulo Pedro, "ao longo dos últimos anos, têm sido milhões e milhões os metros cúbicos de inertes retirados os porto da Figueira, situação para a qual já houve vários alertas". "Seria necessário que os portos também estivessem submetidos ao Planos de Ordenamento da Orla Costeira", disse o autarca à Lusa, acrescentando que, "no final das marés vivas, vão ser enviadas à Direcção Regional do Ambiente do Centro fotografias retratando a situação do Pedrógão, em mais uma acção de sensibilização". A praia do Pedrógão localiza-se alguns quilómetros a sul da Figueira da Foz e é uma das praias mais frequentadas na região durante a época balnear.
----
In "Público"
----
Comentário: O areal da praia da Figueira aumenta desmesuradamente, o porto continua a precisar de dragagens e ... a praia do Pedrógão fica despida. É uma no cravo outra na ferradura...

----

E já agora: Se há poucos anos a Figueira exportou areia para colmatar falhas em praias da visinha Espanha, porque não exportá-las agora para Pedrógão, que fica mais perto?

----

AJM

Para a história da Figueira - LXXIV

A imprensa figueirense

Em 1903 foi publicado um número único, intitulado "A Praia", dirigido por Manuel Luís de Almeida, então estudante da Escola Médica do Porto e residente na Figueira da Foz.
Mas aquela publicação, a que a imagem se refere, e de que possuo a colecção completa, iniciou a sua publicação em 20 de Agosto de 1923, sendo seus redactores António Amargo e Adriano Santos (saliente-se a gralha que consta do cabeçalho: Adriano Satos em vez de Adriano Santos, mais conhecido por Pinana. Saíram apenas dois números. Na imagem, o n.º 6, penúltimo desta série, que se seguiu à 1.ª, iniciada em 21 de Agosto de 1921. A numeração da 2.ª seguiu a continuidade, já que apenas se haviam publicado cinco na série anterior.
Note-se que, em 1917, também vira a luz uma publicação com o mesmo título, sendo seu administardor Fausto Eloy. Era propriedade da Casa Havaneza. O seu último número foi publicado a 30 de Setembro de 1917.
Dizia Cardoso Marta que esta revista era "uma das melhores apresentadas a que a época balnear da Figueira tem dado origem."
--
AJM

Instantâneos

A Figueira da Foz em imagens


Ontem, ao fim da tarde. Um pôr-do-sol na Figueira (A foto pode ser ampliada)


AJM

O pensamento do dia

Esqueça os erros. Esqueça os fracassos. Esqueça tudo excepto o que está prestes a fazer e faça-o. Hoje é o seu dia de sorte.


William Durant

terça-feira, 23 de janeiro de 2007

Taça de Portugal

Naval quase nos quartos!

Naval - Bragança, nos oitavos-de-final

O sorteio da VI eliminatória da Taça de Portugal, realizado há momentos na sede da Federação Portuguesa de Futebol, ditou os seguintes jogos:


NAVAL - BRAGANÇA (da 2.ª divisão)
Odivelas - Belenenses
Boavista - Nacional
Maia - Beira Mar
Varzim - Benfica
Atlético - Académica
Pinhalnovense - Sporting


Isento: Sporting C. de Braga

Os jogos realizam-se a 10 de Fevereiro.

Instantâneos

Figueira da Foz em imagens

De início era a torre da Esplanada. Hoje é conhecida por Torre do Relógio, na Praia da Figueira da Foz. Também, no princípio, o relógio era de sol.
---
AJM (texto e foto)

O pensamento do dia

A fala é como a cor de uma flor e o silêncio é como o seu perfume.

S.S. Bhatti

segunda-feira, 22 de janeiro de 2007

Parabéns a você


PARABÉNS ZÉ!!!


O Zé Tó (José António Neto e Matos), filho mais velho do autor deste blog, completa hoje 48 anos.
Licenciado em Línguas e literatura Modernas, recordo aqui um artigo que escreveu no jornal "O Figueirense", de que era director seu Avô, Aníbal Correia de Matos, quando aquele semanário completava 52 anos de existência.
o Zé Tó, contava, então, com 12 anos de idade. A foto é dessa data.
----

Lugar aos novos
--
FIGUEIRA DA FOZ
--
Esta linda cidade, cuja praia, conhecida por "Praia da Claridade", se tornou famosa como Rainha das Praias de Portugal, constitui, desde há muitos anos, o local preferido por elevado número de turistas nacionais e estrangeiros para descanso e veraneio.
Há várias suposições quanto à origem do seu nome. Porém, a mais conhecida é aquela que fala duma enorme figueira existente num ilhéu, junto da foz do Mondego.
A povoação começou a desenvolver-se em redor dumas igreja, a de S. Julião. Administrativamente, a Figueira fez parte, durante alguns séculos, do concelho de Tavarede.
Quando começaram os Descobrimentos, era da Figueira que partiam, por esses mares fora, as nossas famosas caravelas.
Em 1566, foi a Figueira totalmente roubada e incendiada por algumas centenas de ingleses, bem armados e equipados, que tinham desembarcado na enseada de Buarcos.
Nos fins do século XVII e durante o século XVIII, a Figueira, desenvolvendo-se, transformou-se num importante centro comercial e industrial, o que contribuiu muito para que, a 12 de Março de 1771, durante o reinado de D. José I, o Marquês de Pombal elevasse o lugar da Figueira â categoria de Vila.
Em 27 de julho de 1708, o Forte de Santa Catarina, que se encontrava em poder das tropas francesas, comandadas por Junot, foi libertado por uma coluna dirigida por um estudante universitário, sargento de artilharia, chamado António Bernardo Zagalo.
Em 1810, quando o general Massena invadiu Portugal, as populações de diversas terras refugiaram-se na Figueira. Como não havia casas bastantes para recolher tanta gente, a maioria caíu na miséria, dando oriegem a que se desenvolvessem várias doenças contagiosas que vitimaram mais de 5 000 pessoas, incluindo mesmo muitos figueirenses que tinham recebido aqueles foragidos.
Comemorando tão lamentável acontecimento, foi erigido junto à Mata da Misericórcia, defronte do terreno que serviu de cemitério, um singelo cruzeiro de pedra.
A admirável praia da Figueira, o desenvolvimento do seu comércio, a fama dos seus estaleiros navais, o aumento notável da população a partir de 1830, muito contribuiram para que, a 20 de Setembro de 1882, o Rei D. Luís a elevasse à categoria de Cidade.
A partir daí, e principalmente nos últimos dez anos, a Figueira tem mostrado um constante progresso.
-----
José António Neto e Matos, 19 de Junho de 1971
-----
12 anos - 2.º Ano do Ciclo Preparatório


Este português...

Ontem... (o erro)

... e hoje (a correcção)
Imperou o bom senso e o analfabetismo deu a mão à palmatória. Publiquei neste bolg a imagem superior, alertei um membro da Junta de Freguesia de Tavarede para o erro ortográfico, tendo este salientado terem as placas sido oferecidas por "Águas da Figueira", a quem também cabe, afinal, a maior dose de asneira, e aqui está (imagem inferior) a rectificação.
Mas atenção que lá diz o velho ditado: "Vale mais prevenir que remediar" e, nesta caso, optou-se por remediar um erro (público) que nunca deveria ter existido.
Sim senhor: Na circunstância, escreve-se BEM-VINDOS e não BENVINDOS.
..............
AJM

O pensamento do dia

Um grande homem não é aquele que tem sempre sucesso, mas aquele que nunca desiste.


J.L. Martin Descalzo

Futebol

Gilmar coloca Naval nos oitavos!




Taça de Portugal

Um golo de Gilmar, aos 22 minutos, colocou a Naval 1.º de Maio nos oitavos-de-final da Taça de Portugal.
Os figueirenses venceram, esta tarde, o Estrela da Amadora, na Reboleira, por um golo sem resposta.

Resultados da 5.ª eliminatória:



E. Amadora-Naval, 0-1

Atlético-Santa Clara, 1-0 Leixões-Académica, 1-2 Gondomar-Belenenses, 1-4 Odivelas-Mafra, 3-1 Pinhalnovense-Camacha, 2-0 Beira-Mar-Louletano, 4-2 Boavista-Penalva Castelo, 3-1 Maia-Aves, 1-0 Sp. Braga-Pontassolense, 2-1 Varzim-Sertanense, 3-1 (após prolongamento) Sporting-Rio Ave, 2-1 Nacional-Penafiel, 0-0 (7-6, após grandes penalidades) Benfica-União Leiria, 2-1

---

O sorteio dos oitavos-de-final realiza-se quarta-feira, às 11h30.

AJM

domingo, 21 de janeiro de 2007

Efemérides

A propósito da efeméride de hoje. ("O Figueirense")

Amigo Ricardo (visitante habitual):

O jornal "O Figueirense", a que me referi, teria hoje, efectivamente, 107 anos, só que terminou a sua publicação em 24 de Abril de 1902, com a publicação do número 225. Foi o segundo da série.
Aproveito para referir que a primeira série do jornal com o título de "O Figueirense", foi publicada em 9 de Agosto de 1863, dirigida por Augusto Silvério de Oliveira, e encerrada em 31 de Julho de 1864.
A terceira série da publicação com o mesmo nome, iniciou-se em 15 de Janeiro de 1918, sendo seu proprietário e editor, Raimundo Esteves, sendo a sua duração efémera, já que terminou em 29 de Março do mesmo ano. Foram apenas publicados 13 números.
Finalmente (agora sim...), a quarta série de "O Figueirense", que ainda vigora, inicio a sua publicação em 19 de Junho de 1919, composto na Tipografia Peninsular, de Joaquim Gomes d'Almeida (meu Tio), que foi o seu editor, sendo mais tarde seu director, meu Pai, Aníbal Correia de Matos. Iniciou-se como semanário, passou a bi-semanário e voltou a uma edição semanal.
E continua, tendo completado 87 anos em 19 de Junho de 2006.
---
Aníbal José de Matos

Instantâneos

Figueira da Foz em imagens

Um pequeno jardim, simples mas bonito!

Efemérides

21de Janeiro de 1900
É publicado o n.º 1 do jornal "O Figueirense", bi-semanário, propriedade de Prailio Augusto Martins e editado por José Maria Roque dos Reis. Era impresso na Tipografia Popular, na Figueira da Foz.

Os nossos artistas

Zé Penicheiro

"A Bola"

O pensamento do dia

"A máxima parte dos conhecimentos que adquirimos, sobretudo nos estabelecimentos de ensino, são perfeitamente inúteis. A superioridade pertence aos que, estudando pouco nos livros das aulas, aprendem a ler mais nos livros da vida. Eu sinto uma simpatia imensa pelo cábula inteligente das escolas portuguesas. O essencial não é saber as coisas, mas saber raciocinar sobre elas. O conhecimento, a cultura, não servem para mobilar um espírito mas para formá-lo."
Salazar, citado em "Máscaras de Salazar", de Fernando DaCosta

sábado, 20 de janeiro de 2007

Poesia

Lágrima



L'amour, hum hum, pas pour moi,
Tous ces "toujours",
C'est pas net, ça joue des tours,
Ca s'approche sans se montrer,
Comme un traître de velours,
Ca me blesse, ou me lasse, selon les jours
L'amour, hum hum, ça ne vaut rien,
Ça m'inquiète de tout,
Et ça se déguise en doux,
Quand ça gronde, quand ça me mord,
Alors oui, c'est pire que tout,
Car j'en veux, hum hum, plus encore,
Pourquoi faire ce tas de plaisirs,
de frissons, de caresses, de pauvres promesses ?
A quoi bon se laisser reprendreLe coeur en chamade,Ne rien y comprendre,
C'est une embuscade,
L'amour ça ne va pas,
C'est pas du Saint Laurent,
Ca ne tombe pas parfaitement,
Si je ne trouve pas mon style ce n'est pas faute d'essayer,
Et l'amour j'laisse tomber !
A quoi bon ce tas de plaisirs, de frissons, de caresses, de pauvres promesses ?
Pourquoi faire se laisser reprendre,Le coeur en chamade,Ne rien y comprendre,
C'est une embuscade,
L'amour, hum hum, j'en veux pas
J'préfère de temps de temps
Je préfère le goût du vent
Le goût étrange et doux de la peau de mes amants,
Mais l'amour, hum hum, pas vraiment !

------
(Carla Bruni)

------
(In As Esquinas da Vida)

Poesia

Pingo de sal

Olhos límpidos, suaves, cristalinos
Onde perpassam matizes sedutores
E a vida esvoaça em alegres tons de verde...


Olhos que riem, sorriem, se deleitam
No contemplar feliz da mocidade
Que fugaz se perde no infinito.


Teus olhos onde a sombra melancólica
Depõe fantasmas na penumbra dos espaços.


Onde o brilho é mais intenso
E me perturba,
Porque sei que a nuvem que os invade
Vai provocar a lágrima que não quero,
Esse pingo de sal que não desejo!


ANÍBAL JOSÉ DE MATOS

Blogues...

Otro año que se va


Adiós 006Hola 007

(Me darán licencia para matar?)

--- Do blog:

"Quiere viajar cinco segundos al pasado?"

Instantâneos

FIGUEIRA DA FOZ EM IMAGENS


Numa manhã de Sábado, um aspecto da Esplanada Silva Guimarães, na Figueira da Foz
Foto de Aníbal José de Matos

Pois, pois...

Falta de espaço ou de civismo?

Sábado, 12 horas

A...s frase...s

Não se riam das personagens. Divirtam-se com elas mas respeitando o que têm de puro e genuíno".

Jorge Pelicano, figueirense, a propósito do seu filme "Ainda há Pastores?"

O pensamento do dia

Morre o déspota, e acaba o seu poder; morre o mártir, e começa o seu poder.

Soren Kierkegaard, filósofo dinamarquês

Imagens do mundo

I n d e f e s a

Imagem publicada por Celeste Morrisse in blog "AS ESQUINAS DA VIDA" (http://esquinasdavida.blogspot.com), uma página que merece ser visitada.

sexta-feira, 19 de janeiro de 2007

Basquetebol




Ginásio eliminado na Taça da Liga

O Ginásio perdeu, esta noite, em Vagos, com o Benfica, para a Taça da Liga, sendo eliminado da competição.

O resultado foi de 66-64 para os lisboetas. Os figueirenses tiveram um início prometedor, chegando ao final do 1.º período a vencer por 21-8, mas perderam a vantagem logo nos dois períodos seguintes. No 4.º e último período registou-se uma igualdade a 16 pontos.

O Ginásio teve uma espectacular reacção nos quatro minutos finais, fazendo um parcial de 10-0 (!), mas não chegou para consolidar a recuperação.

Foram os seguintes os resultados dos quartos-de-final:

Lusitânia, 73-Barreirense, 72; FCPorto, 80-Belenenses, 79; Ovarense, 63-Queluz, 69 e Benfica, 66-Ginásio, 64.

Passaram às meias-finais, Lusitânia dos Açores, FC Porto, Queluz e Benfica.

----

AJM