terça-feira, 15 de março de 2016

Na Biblioteca da Figueira da Foz

Graça Pires apresentou
"UMA CLARIDADE QUE CEGA"
 
 
A poetisa figueirense Graça Pires, a convite da Divisão de Cultura do Município da Figueira da Foz,  apresentou, no passado sábado,  na Biblioteca Municipal da Figueira da Foz, o seu mais recente livro, “Uma Claridade que cega”.
 
 
 
A obra, que celebra os 25 anos de edição da autora, surge da demanda de Graça Pires pelas muitas linguagens poéticas que foi encontrando ao longo de um quarto de século de vida à volta das palavras, do mar da infância ao silêncio crescido, da luz às trevas. «Quis merecer ser poeta», disse a autora.
Recorde-se que a poetisa foi contemplada, em 1990, com  o Prémio Revelação de Poesia, instituído pela Associação Portuguesa de Escritores.

 



 


Sem comentários: