quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Legislativas


Sondagens...
 
As sondagens valem o que valem porque, no caso das eleições legislativas, no próximo domingo, os resultados reais é que ditarão o futuro próximo.
É evidente que aqueles que se deparam com números negativos nas ditas cujas, as desvalorizam. É natural.
Todavia, olhando para os números que, neste momento, colocam a coligação PSD/CDS no topo das preferências, questiona-se o facto de se terem passado quatro anos de permanente contestação ao governo, num coro afinado de lamentações sobre a tão apregoada austeridade, e a maioria dos portugueses continuar a votar exatamente naqueles contra quem se atiraram com unhas e dentes durante a legislatura.
Bom, uma coisa é certa: o triunfo vai jogar-se entre a coligação e o PS, já que os outros, como é habitual, passarão pura e simplesmente a aproveitar-se da liberdade de poderem protestar, pois o seu número de apoiantes praticamente não sofre alterações de monta.
Ficam com alguns lugares no hemiciclo e não têm a incómoda preocupação de governar.

Sem comentários: